O que fazer em Istambul

Padrão

Skyline mais bonito do mundo

Istambul é incrível, ponto. Partindo desse pressuposto, incutido na minha cabeça pelo Zeca Camargo, que confessou numa palestra assistida pelo meu marido ser a Turquia o lugar de que ele mais gosta dentre tantos outros visitados, e à qual ele tinha até então retornado cinco vezes, fica-se um pouco perdido no meio de tantas opções diferentes e igualmente impactantes de locais turísticos e históricos para visitar.

Aya Sofia

Algumas das atrações são absolutamente imperdíveis e devem constar de uma primeira visita a Istambul. Fiquei seis dias inteiros e visitei Aya Sofia, Mesquita Azul, Palácio Topkapi,  a Cisterna da Basílica (ou Yerebatan Sarayi), Hipódromo, Coluna de Constantino, Grand Baazar, Bazar de Especiarias, Igreja de São Salvador in Chora e ainda fiz um passeio de um dia que começava no Pierre Loti Café e terminava no Palácio Dolmabahçe, incluindo um rolé pela parte asiática e um pequeno cruzeiro pelo Bósforo.

Muralhas de Constantinopla

Acho que isso não é nem dez por cento do que tem para ver em Istambul, para não mencionar o resto do país. Sorry se você não tem 6 dias inteiros para Istambul, mas o que eu fiz é nada menos do que o obrigatório. Obrigatório, sim, porém serão os lerês com menos cara de lerês que você vai fazer na vida.

Tá bom, vamos dizer que eu tivesse apenas 48 horas, então eu optaria para fazer, em ordem de preferência:

1. Aya Sofia

2. Mesquita Azul

3. Palácio Topkapi

4. Cruzeiro pelo Bósforo

5. Cisterna da Basíllica

O que vier depois disso, já é lucro. Lembre-se: Istambul é uma cidade enorme, de mais de 13 milhões de habitantes, a mudança do fuso horário é uma paulada na cabeça sem analgésico e o trânsito, ligeiramente caótico, o suficiente para lhe desestimular a alugar carro. Tem metrô, mas os táxis são baratos e não há motivo para não abusar deles.

Fiquei hospedada no hotel cujo review está nesse post. A localização do Tria Hotel é uma enorme mão na roda na logística dos passeios, já que fica a uma curta caminhada de todas essas atrações, que ficam no Sultanahmet. Na verdade, o Sultanahmet é o coração da Istambul que você vai querer ver na primeira vez. Essa seria a minha primeira dica de ouro: ficar hospedado dentro do Sultanahmet economiza tempo e sola de sapato para ver as atrações top. Não se engane: mesmo próximas umas das outras, as visitas são demoradas, cada atração dessas tem inúmeros detalhes nos quais é impossível não demorar a vista.

Por que excluí as outras atrações? O Hipódromo e a Coluna de Constantino são na verdade monumentos, espalhados pelo Sultanahmet e você acabará passando por eles nos trajetos diários.

Veja, não estou afirmando que você pode deixar de ir ao Grand Baazar e ao Bazar de Especiarias (também conhecido por Bazar Egípcio), só acho que se não tiver jeito mesmo, eles podem ser cortados. Não são exatamente atrações, mas comércio, que por ser exótico, vale a pena visitar. Ressalte-se que há uma invasão de produtos falsificados e uma porção de quinquilharia  souvenir sendo vendida nos mercados, então você não terá um prejuízo tãaao absurdo se deixá-los de lado.

O Dolmahbaçe é impressionante, mas não tem estilo otomano – ele foi construído inspirado nos palácios franceses, já no século XIX, e a Igreja Chora, bizantina, é cativante , mas ambos ficam mais afastados do centro histórico.

É, queridos leitores, as escolhas não são nada fáceis, mas espero, nessa série de posts, ajudá-los a ficarem um pouco mais situados em relação à cidade. Se tiverem dúvidas, fiquem à vontade para perguntar enquanto as postagens não vem.

Anúncios

Sobre Liliane Gondim

Curiosa até não poder mais, amo viajar, com especial predileção pelos destinos onde se exige passaporte, mas se dispensa o visto. Amo ler, qualquer coisa, basta ser bem escrita e envolvente. Não tenho o espírito elevado a ponto de comer de tudo, mas creio que um povo pode ser compreendido a partir de sua comida. Por fim, constato todos os dias que Deus não dá asa à cobra.

»

  1. Eu nem gosto muito de ler sobre Istambul, fico pensando em ir de novo! Não dá pra dar como vista mesmo!
    Quero na próxima vez me afastar mais de Sultanahmet, ir mais pros outros bairros.

  2. Sem dúvida uma viagem fantástica a Istambul, a avaliar pelas fotografias. Seguramente que adorou, porque eu fiquei com vontade de visitar. Vamos ver num futuro próximo.

  3. Lili estamos indo para Istambul dia 22/09/13. ainda estamos em dúvida se pegamos uma excursão ou se alugamos um carro e saímos sem destino por conta própria. Qual seria a sua sugestão?
    Não falamos inglês e muito menos turco. O ano passado estivemos em Portugal e alugamos um Motor-home, não foi tão difícil nos comunicarmos com os portugueses, mas desta vez vai ser da pesada.
    Cordialmente
    Adelaide

    • Adelaide, minha comunicação na Turquia foi toda em inglês. Se você for por conta própria, terá que possuir o roteiro muito, muito redondo. Particularmente, não possuo muitos receios com relação a isso, mas muita gente não se sente confortável (com razão!). Mas, sem inglês fica muito complicado.

  4. Querida! Que bom que vc gostou da minha amada Istambul. é realmente um lugar maravilhoso.
    Somente um coment… a foto que vc postou como muralhas de Constantinopla şe na verdade a Fortaleza Rumeli, Construída pelo Sultan Mehmet foi usada para “fechar” a parte mais estreita do canal do Bosforo (Ja havia uma fortaleza do lado asiatico) e assim sem a passagem para as Índias… o mundo foi forçado a ir a luta no período histórıco chamado “as grandes navegações”.

  5. Oi Liliane,estou indo para Turquia em julho /2015.Minha viagem começa por Athenas.Vou ficar um dia em cada ilha começando por Mikonos,Santorini,Creta e Rhodes e meu planejamento e entrar na Turquia por Marmaris..Estamos pensando em ir até Bodrum,Efeso, Izmir e Istambul.Vamos alugar um carro e de Izmir até Istambul estamos pensando em ir de trem. O que vc acha?O que vc nos aconselha?

    • Olá, Marcela, pretendemos atravessar de Rodes para Turquia nos barcos de passeio que tivemos conhecimento, mas não sabemos horários nem freqüência ou se podemos ficar pela Turquia com estes meio. Pretendemos descer em Marmaris e alugar um carro ate Izmir, e de la até Istambul de trem, vc acha este percurso interessante? Precisamos reservas antecipadas ou estas passagens podem ser adquiridas na hora?

      • Querida! Hosgeldin(bem vinda!)

        Você pode consultar os horários e a disponibilidade dos ferries no site: http://www.rhodesferry.com/. Aconselho aportar em Bodrum. Não se esqueça que, embora seja uma barca comercial simples, havera os procedimentos de alfandega por se tratar de paises diferentes. O ferry não se responsabiliza por sua documentação (passaporte válido por no minımo 90 dias e visto)

        Faça uma ótima viagem!

      • Querida!

        Desculpe… foquei no ferry e não respondi as demais perguntas.

        Acho melhor antecipar os bilhetes para não correr o risco de ter que pernoitar em Rodes de última hora. Bodrum ou Marmaris são maravilhosas no verão e as rodovias para Izmir/Kusadasi são bem tranquilas.

        Os trens dentro a turquia ainda não estão operando em todos os trechos… Inshallah poderemos oferecer mais esse meio de transporte em breve.

        Atenciosamente!

  6. Oi Liliane,vou fazer as ilhas da Grecia de seajets,gostaria de saber se preciso comprar os bilhetes antecipados ou se consigo comprar na hora.Vc acha que estes percurso entre ilhas poderia ser melhor de avião?E sobre os trens ,eles são bons?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s