Arquivo mensal: agosto 2012

Garimpando hospedagem na Turquia: o hotel da Capadócia

Padrão

É até injusto preparar um post com esse título, pois eu não garimpei o hotel da Capadócia. Mas, para garantir o nome da série, vamos fingir que minha busca foi árdua.

A @carlinhaz recomedou o Kelebek e, depois de ter visitado o site deles na internet, já havia resolvido que seria lá que eu ficaria nos dois dias destinados à região.

Os quartos do hotel cabem em todos os orçamentos. Eles partem de 40 euros (em valores de hoje), para quartos sem banheiros, até 180 euros, nas suítes presidenciais. O que eu achei mais bacana é que você já sabe de antemão o que vai encontrar, já que eles permitem que você escolha pelo número do quarto, e não por categoria, já vendo pelo site até mesmo o que tem no quarto, em termos de decoração e dos equipamentos listados.

Mandamos um e-mail para eles pré-selecionando um quarto, mas perguntando sobre o ar-condicionado. A resposta foi enfática, dizendo que não precisaríamos dele, apesar de ser verão. Turistas de boa fé que somos, ficamos com o quarto 115 e não nos arrependemos.

Realmente, não foi necessário. De dia, o calor era cearense do lado de fora mas, inexplicavelmente, as pedras que formavam nosso quarto eram geladinhas. De noite, então, nem se fala. Basta dizer que é recomendável um agasalho leve para o passeio de balão, tanto pela temperatura em razão da altitude, como pelo horário do passeio.

Nem por um minuto fui capaz de me arrepender da escolha. O hotel inteiro é uma graça. Nada como uma sessão de fotos para formar uma opinião:

Palácio de Buckingham – visitando os State Rooms

Padrão

Considerei a visita ao Palácio de Buckingham o ponto alto de Londres, tanto pela representatividade que a realeza possui na cultura britânica, como pela oportunidade de conhecer um palácio cujos ocupantes encontram-se em plena atividade.

Normalmente ele abre por um curto período, no final de julho, início de agosto, quando a Rainha Elizabeth parte para os seus domínios escoceses e o Palácio fica fechado para as atividades de estado e aberto para a visitação turística.

Foi bem especial o fato de estarmos em Londres no início de julho. Neste verão, ele abriu de 30 de junho a 8 de julho, somente, e novamente a partir de 31 de julho, ficando aberto até 7 de outubro de 2012. Então, se você estará em Londres nesse período, meu conselho é um só: APROVEITE!

Exitem quatro tipos de visitas: Buckingham Palace State Rooms, The Queen’s Gallery, The Royal Mews e Royal Day Out, sendo que esse último é a junção dos três primeiros. Todos incluem a mostra Diamonds – A Jubilee Celebration. Ainda existe a possibilidade de agregar aos State Rooms uma visita aos jardins do palácio: Highlights Garden Tours.

Compramos os ingressos para The Buckingham Palace State Rooms pela internet, no site oficial. Custa £18. De quebra, você leva junto a exposição das jóias da Rainha, que foram reorganizadas numa exibição especial em razão do jubileu. Os ingressos têm dia e hora marcados e é preciso trocar o recibo enviado pela internet pelos ingresos físicos. Atrasos não são tolerados, pelo menos é o que diz o panfleto entregue junto com os ingressos na bilheteria.

Os preços :

The State Rooms, The Queen’s Gallery ou The Royal Mews: £ 18,00

Royal Day Out: £ 31,95

State Rooms e Highlight Garden Tour: £ 26,50

Para chegar ao Palácio, a estação de metrô é Victoria ou St. James Park.

A bilheteria fica na Buckingham Palace Road.